Carregando o Mundo!
PasseiosViagem

O que fazer enquanto espera sua mesa na Casa do Porco

A Casa do Porco

A Casa do Porco é o restaurante do chef Jefferson Rueda em São Paulo que está entre os 50 melhores do mundo no ranking da revista britânica “Restaurant”.

O restaurante tem preços acessíveis e não faz reservas, por isso, todos os dias tem uma fila com horas de espera por uma mesa.

Casa do Porco
A cara de felicidade quando a gente sabe que se deu bem.

Depois de muito procrastinar, criamos coragem e fomos enfrentar a fila para finalmente provar a comida da Casa do Porco.E a pergunta que mais recebi foi:

Vale a pena esperar na fila para comer na Casa do Porco?

Sim, vale a pena! A comida é sensacional. Tudo lá é muito bem feito e muito bem pensado.

Provamos o menu desgustação e valeu muito. Da Kombucha de aperitivo, passando por todos os pratos até chegar ao porco San Zé e fechando lindamente com uma sobremesa maravilhosa.

A Casa do Porco
Sobremesa curau, com sorvete de queijo de cabra.

As bebidas também são de excelente qualidade.

E já que vale a pena esperar, que tal fazer passeio divertido enquanto isso?

o que fazer no centro de São Paulo
Largo do Paissandú

O que conhecer no centro de São Paulo em 3 horas

Descobrimos que com um pouco de planejamento dá pra se divertir enquanto espera sua vez. Já que a fila de espera da Casa do Porco funciona assim: Você deixa seu nome e telefone, e então receberá um sms com um link onde pode acompanhar seu lugar na fila. Quando chegar sua vez, você receberá uma ligação ou sms avisando para ficar por perto.

Com 3 a 4 horas em média de espera, neste post eu vou te dar algumas opções do que você pode fazer no centro de São Paulo enquanto a sua vez não chega.

Comece às 11h00

Chegue por volta das 11h00 na casa do Porco para cadastrar seu nome na fila de espera. Algumas pessoas chegam às 10h e ficam lá esperando, os lugares na fila começam a ser registrados as 11h00.

Nós chegamos às 11h30 e ficamos 30min esperando para nosso nome ser registrado, ou seja, às 12h saímos para explorar o centro.

O que comer por ali para aguentar até a hora do almoço por volta das 14h30

1- O Mundo do Pão Olivier Anquier

O mundo do Pão Olivier Anquier
A padaria do Olivier Anquier

Se você ainda está no clima do café da manhã, a poucos metros da Casa do Porco está a padaria do Olivier Anquier. Lá você pode tomar um café e comer algum dos pães deliciosos. Recomendo “a suculenta”, um pão doce com massa folhada muito saboroso.

2 – Hot Pork

hot pork onde comer no centro de São Paulo
O Hot Pork

Se você está mais para um lanche que já poderia valer por mini almoço. Aproveite para conhecer o outro estabelecimento de Jefferson Rueda, o Hot Pork. Também a poucos metros de distância, lá você pode provar um cachorro quente com salsicha artesanal em duas versões: o Hot Pork com carne 100% suína e o Not Pork a base de tofu e cogumelos, ambos com molhos na medida certa. Para acompanhar a cerveja que leva o nome da casa, também é excelente.

3- Ponto Chic

Onde comer no centro de São Paulo
Ponto Chic

O Bauru mais clássico da cidade de São Paulo fica logo ali no largo do Paissandu. Neste caso, acho bom dividir o lanche com outra pessoa já que você não quer acabar totalmente com sua fome.

Passeios culturais perto da Casa do Porco

Aqui vão algumas opções de passeios possíveis de serem feitos a pé a partir da Casa do Porco. Não vai dar tempo de visitar tudo, mas são ideias para você escolher e aproveitar o tempo da espera de uma forma mais interessante.

No dia em que eu fui eu passei pela Galeria do Rock que estava fechada por ser um feriado, pelo Largo Paissandu, segui para o Edifício Martinelli e depois para o Solar da Marquesa de Santos.

A minha escolha foi feita porque visitei recentemente os outros lugares aqui indicados. Se tivesse que indicar só um lugar para ir seria o Farol Santander.

Independente da sua escolha é super importante acompanhar o seu lugar na fila através do link que você receberá no celular após fazer seu cadastro lá na Casa do Porco. Quando estiver faltando umas 5 pessoas é a hora de voltar caminhando tranquilamente.

Galeria do Rock

O que fazer no centro de São Paulo
A fachada da Galeria do Rock

Você pode aproveitar para visitar a Galeria do Rock, em um prédio dos anos 60. A Galeria do Rock é um do locais mais icônicos de São Paulo, com sessões divididas por andares. No térreo, lojas e cabelereiros dedicados aos estilos Afro, Rap e Hip Hop. No primeiro andar, skates, tatoos e bodypiercing. Já no terceiro andar camisetas de bandas e lojas de discos como a Baratos e Afins.

Visita ao Edifício Martinelli

Farol santander
Edifício Martinelli e Farol Santander lado a lado

O Edifício Martinelli é um dos prédios icônicos no centro de São Paulo. A sua construção data da década de 30 e foi o primeiro edifício alto na cidade de São Paulo.

A construção conta com 30 andares, sendo que os últimos 5 andares são da cobertura onde ficava a residência Giuseppe Martinelli, idealizador do projeto que se mudou para lá com a família para provar que o prédio era seguro. O Edifício Martinelli foi o prédio mais alto da América Latina na época de sua construção.

Hoje podemos visitar a cobertura. As visitas acontecem diariamente às 11h, 12h, 13h, 14h30, 15h30, 16h30 , 17h30 e 18h30.

As inscrições são feitas 30 min antes do horário pretendido sendo no máximo 15 pessoas por visita.

Farol Santander

Vista do Farol Santander
A vista do mirante do Farol Santander no centro de São Paulo

O Farol Santander, antigo prédio do Banespa, que foi reinaugurado em 2018 é um dos centros culturais mais bacanas da cidade de São Paulo hoje.

O prédio que foi construído na década de 1940 e então passou a ser o mais alto da cidade superando a altura do seu vizinho o edíficio Martinelli.

Ali podemos ver uma exposição permanente que mostra como funcionava uma agência bancária, na época de sua inauguração na primeira metade do século XX.

Há também um mirante no 26º andar com uma vista bem legal da cidade.

Em outros andares ficam exposições temporárias sempre muito bem selecionadas que valem a visita.

Você pode saber mais informações sobre o farol Santander neste post aqui

Pateo do Colégio

o que fazer no centro de São Pualo
Pateo do Colégio

O lugar que deu início à cidade de São Paulo é sempre um boa combinação com outros pontos turísticos do centro de São Paulo.

Ali funciona o Museu José de Anchieta, que conta a história do padre jesuíta que liderou a missão de alfabetizar e catequizar o índios. No local onde hoje fica o Pátio do Colégio, foi construída a primeira cabana que funcionava como moradia, igreja e escola em 1554.

No Café do Pateo, é possível tomar um café em um ambiente bem agradável com um jardim que funciona como um oásis no centro de São Paulo.

Ali também podemos visitar a Igreja São José de Anchieta que tem missas de terça a sexta-feira às 12h e aos domingos às 9h15 e 10h00 acompanhada de um órgão de 1000 tubos e aos domingos também com o coral da Schola Cantorum.

Solar da Marquesa de Santos

O que fazer no centro de São Paulo
Fachada do Solar da Marquesa de Santos

A casa que ficou famosa por ser a moradia da influente Domitila de Castro Canto Melo, a Marquesa de Santos. Conhecida historicamente devido ao seu envolvimento amoroso com Dom Pedro I e que foi uma mulher muito forte e revolucionária para sua época (vale a pena dar uma lida em sua história).

Após a morte da Marquesa, a construção passou por diversos usos que alteraram sua construção. Hoje, após restauração podemos ver em algumas paredes que restou da construção original do século XVIII.

O espaço faz parte do museu da cidade, a exposição no local em julho de 2019, mostra móveis caraterísticos casas paulistas do século XVIII .

A Entrada é gratuita e essa é uma boa oportunidade de conhecer um espaço histórico que geralmente fica esquecido.

Lembrou de algum outro lugar nas redondezas? Coloque aí nos comentários.

Outros passeios legais para fazer em São Paulo

Museu do Futebol

Instituto Moreira Salles

Embu das Artes