Carregando o Mundo!
Passeios

Avenida Paulista: Roteiro para seu passeio de domingo

Avenida Paulista São Paulo SP

Neste post eu dou várias dicas sobre o que fazer, o que visitar e como aproveitar melhor seu passeio pela Avenida Paulista.

Em todos os domingos a Avenida Paulista  fica fechada para carros e a rua tomada por pessoas de todas as tribos! Sim, diversidade é a palavra que melhor define a experiência.

Crianças brincando, andando de patins, skate, bicicletas, patinetes de todos os modelos e tamanho…

Artistas de rua de todos os tipos e até um grupo de pessoas fazendo hipnose encontramos por lá. Mostra bem o espírito acolhedor da cidade que recebe pessoas de todos os lugares e com todos os estilos.

Passar um domingo na Paulista caminhando, tomar um sorvete ou apenas  circular por lá é um passeio bastante agradável.

A história da Avenida Paulista

A Avenida Paulista foi criada no final do século XIX e abrigou palacetes em diversos estilos arquitetônicos, propriedades de barões do café e novos ricos da época.  Ao longo do século XX  a avenida foi se transformando, os palacetes foram dando lugar aos edifícios, passando de área estritamente residencial para ser o principal centro financeiro de São Paulo e nos últimos anos a Paulista tem se tornado cada vez mais um grande polo cultural da cidade.

avenida paulista sp
Avenida Paulista vista do Instituto Moreira Salles

Como chegar na Avenida Paulista

A melhor forma de chegar à região é de metrô, escolha a estação mais próxima do atrativo do seu interesse e explore livremente.

Quer andar de bicicleta na Paulista ?

Você pode circular por todo o trecho da avenida pela ciclovia.

Você pode levar sua bike no metrô. Aos domingos é permitido levar a bicicleta dentro dos trens do metrô e da CPTM. Aproveite!

Importante: São permitidas no máximo 4 Bicicletas por trem e os ciclistas devem embarcar com suas bicicletas sempre no último vagão. Leia aqui o regulamento completo.

O que fazer na Avenida Paulista

Ao longo da Paulista, hoje, temos importantes centros culturais e comerciais que são passagem obrigatória por quem quer conhecer São Paulo.

Instituto Moreira Salles

IMS Sao Paulo
Visita ao Instituto Moreira Salles – Exposição São Paulo fora de Alcance

Avenida Paulista, 2424;

Metrô: Consolação

Entrada gratuita para as exposições e centro cultural

Horário: De terça a sábado das 10h às 20h / quintas feiras das 10h às 22h

O Instituto Moreira Salles é um espaço dedicado a exposições de diversos tipos de Arte. Frequentemente vemos exposições de fotógrafos incríveis. No espaço também há mostras de cinemas e cursos.

Veja neste post tudo sobre nossa visita ao IMS

Conjunto Nacional

livraria cultura avenida paulista
Livraria Cultura do Conjunto Nacional

O Conjunto Nacional é um importante marco da modernização da Avenida Paulista. É um complexo de uso múltiplo: residencial, comercial e lazer. Sua construção foi iniciada em 1955 com projeto de David Libeskind, com sua cúpula geodésica de alumínio, construída por Hans Eger.

No início dos anos 60 o complexo fica completamente pronto, com o edifício, o centro comercial e restaurantes sofisticados no mezanino e o Cine Astor, o cinema mais moderno da cidade na época.

O Edifício passou por diversas fases ao longo dos anos. Começou a entrar em decadência em meados da década de 70. Em 78 sofreu um incêndio. Na década de 80 deu-se início aos anos de recuperação do conjunto.

Um marco importante foi a mudança da loja da livraria cultura para o espaço do antigo Cine Astor em 2007, tornando-se a maior livraria da América Latina e que hoje é o grande atrativo do conjunto nacional. A loja é incrível! Vale muito a pena a visita.

MASP – Museu de Arte de São Paulo

Masp caveletes de vidro
A exposição de longa duração na sala com os cavaletes de vidro do MASP

Endereço: Avenida Paulista , 1578

Metrô: Trianon-MASP – Bikes: Existe um bicicletário atrás da Bilheteria.

Ingressos: R$ 40 reais – Crianças até 11 anos não pagam – Estudantes e pessoas com mais de 60 anos pagam meia. Às terças feiras a entrada é grátis.

Horário: Segunda -feira fechado / Terça da 10h às 20h/ Quarta a domingo das 10h às 19h30

O MASP é com certeza o museu mais famoso de São Paulo e sem dúvida um dos mais importantes.

Foi o primeiro museu moderno no país fundado por Assis Chateaubriand em 1947, tendo sua primeira sede na rua 7 abril no centro de São Paulo. Em 1968 foi transferido para a Avenida Paulista, no prédio projetado pela arquiteta Lina Bo Bardi. O projeto do prédio com seu vão livre é hoje um dos símbolos da cidade de São Paulo.

masp tarsila
A Exposição temporária da Tarsila do Amaral foi um dos grandes sucessos do museu com recorde de público.

Nos subsolos e no 1º andar são apresentadas exposições temporárias, como a da Tarsila do Amaral que foi recorde de público me 2019.

No segundo andar fica a exposição de longa duração. É no segundo andar que encontramos os cavaletes de vidro característicos do MASP. Idealizados também por Lina Bo Bardi, os cavaletes projetados para permitir que os visitantes caminhem por entre obras .

No acervo do Museu encontram-se obras dos principais movimentos artísticos. É possível vermos trabalhos de artistas como: Anita Malfatti, Di Cavalcanti, Portinari, Van Gogh, Picasso, El Bosco, Monet e outros.

Museu com crianças – veja neste post todas as dicas

FIESP

Avenida Paulista São Paulo SP
Fiesp

Endereço: Avenida Paulista, 1.313

Metrô: Trianon

Horário: de terça à sábado das 10h às 22 – domingos das 10h às 20h

Quase em frente ao MASP está o prédio do centro cultural Fiesp. Vale a pena entrar e ver as exposições em cartaz. Lá também acontecem diversas peças de teatro e show gratuitos. Veja a programção no site.

Olá Maurício Fiesp
A Exposição Olá Maurício em julho de 2019 apresentou de forma interativa da trajetória de Maurício de Sousa e seus personagens.

Aos domingos shows musicais de ótima qualidade são apresentados no palco externo.

São oferecidas gratuitamente algumas visitas mediadas para as exposições nos seguintes dias e horários:

  • Galeria de Arte: de quinta a domingo, às 18h30
  • Galeria de Fotos: de terça a domingo, às 18h
  • Espaço de Exposições: de terça a domingo, às 13h e às 19h

Itaú Cultural

Itau cultura e Sesc
Os prédios do Sesc Paulista e Itaú Cultural lado a lado

Endereço: Avenida Paulista, 149

Metrô: Brigadeiro

Horário de funcionamento: de terça a sexta das 09h às 20h. Aos sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h

Entrada gratuita

O Itaú Cultural é um espaço com uma agenda vasta, exposições, filmes, peças teatrais, shows musicais, espetáculos de dança, oficinas e workshops diversos.

No Espaço Olavo Setúbal fica a exposição permanente que conta histórias do Brasil através do acervo de mais de 1000 peças. São pinturas, gravuras, documentos, manuscritos literários, caricaturas, moedas, barras de ouro e outros itens.

Aos domingos, costumam ter diversas atividades voltadas para as crianças, por isso programe-se para passar por ali durante seu passeio de domingo com a família. Confira a programação completa no site

Sesc Paulista

Sesc Paulista
A entrada do Sesc Paulista

Endereço: Avenida Paulista, 119

Metrô: Brigadeiro

Horário: De terça a sábado das 10h às 20h. Domingos e feriados: das 10h às 19h

O Sesc é um espaço multidisciplinar. No espaço podemos ver exposições, peças de teatro, apresentações musicais, oficinas , atividades esportivas, programações especiais para crianças, enfim, são oferecidas uma infinidade de opções gratuitas ou com preços acessíveis. A programação pode ser acessada pelo site

mirante sesc paulista
Vista do mirante do 17º andar no Sesc Paulista

Um dos destaques da unidade da Avenida Paulista é o mirante que fica no 17º andar com uma vista privilegiada. Lá é também onde fica o café que tem lanches deliciosos e um ambiente super agradável.

Japan House

Avenida Paulista, 52

Metrô: Brigadeiro

Horário de terça à sábado: 10h às 22h. Domingos e feriados das 10h às 18h

A Japan House é um espaço criado para difundir a cultura japonesa pelo mundo. Além da unidade de São Paulo existem outras duas, uma em Londres e outra em Los Angeles.

O objetivo é apresentar os valores da cultura japonesa de forma contemporânea e surpreendente.

São várias formas de explorar a Japan House.

Você pode visitar as exposições. Há também um espaço multimídia com livros, mangás e conteúdos digitais de assuntos diversos.

No café e no restaurante a cultura japonesa contemporânea também é apresentada através dos pratos.

Veja neste do post do Blog Bagagem de Memórias tudo sobre a Japan House

Casa das Rosas

Avenida Paulista, 37

Metrô: Brigadeiro

Horário: segunda: fechada – de terça a sábado das 10h às 22h – domingos das 10h às 18h

Projetada pelo arquiteto Ramos de Azevedo, a mansão em estilo clássico francês foi concluída em 1935. Lá foi residência da família de Ramos de Azevedo até o início da década de 1980. Foi então que foi cedido parte do terreno para a construção de um prédio comercial e a casa foi restaurada pelo Estado de São Paulo e passou a funcionar como centro cultural.

Hoje a Casa das Rosas abriga o Centro Cultural Haroldo de Campos, o espaço funciona como sede de diversos cursos, oficinas e exposições que buscam principalmente fomentar a poesia e a literatura.