Carregando o Mundo!
FilhosViagem

Brincadeiras e atividades para crianças em viagens (não eletrônicas)

Brincadeiras Atividade Criança Pequena Viagem

Neste post eu conto sobre algumas atividades e algumas brincadeiras para entreter crianças pequenas em momentos de tédio durante uma viagem.

Veja como viajar com criança sem stress nesse post aqui

Estou aqui me preparando para nossas viagens de janeiro e comecei a pensar no que eu poderia preparar para Lorenzo levar para se distrair dessa vez,

Sempre gosto de levar algumas novidades para passar o tempo, seja em esperas no aeroporto ou em algum momento de tédio qualquer, dentro do carro, em uma fila, etc.

Resolvi juntar todos os recursos que já usei e coloquei aqui, separei por fases de 0 a 6 anos.

Claro que um tablet ou celular resolvem, mas eu vivo sempre em busca de controlar o tempo com eletrônicos, por isso tento deixar esses como última opção.

Para todas as idades:

Uma dica muito legal que vale para todas as fases é contar histórias pessoais. Experiências dos pais quando crianças criam uma curiosidade absurda! De longe são as preferidas do Lorenzo. Ele adora saber do que a gente brincava,  coisas que deram errado e o que aprendemos ou de coisas boas muito especiais que nos marcaram para sempre.

Por exemplo: Se for uma viagem lembre-se como eram suas viagens quando criança, para onde ia?  O que fazia?  Era fácil, difícil? Os recursos eram mais escassos ou mais ambundantes? Do que você mais gostava?  O que deu errado? O que foi engraçado?

Brincadeiras e atividade para crianças pequenas
Livros para bebês

Fase de bebê até 1 ano

Nesta época eu levava um arsenal de mordedores higienizados mas o que segurava bronca era o mamá da mamãe, que ele recusava justamente nos momentos mais recomendados, a decolagem e aterrisagem por causa do incômodo no ouvido.

Lembro que na primeira viagem do Lorenzo com 5 meses, que foi para Recife, ele chorou praticamente o voo da ida o tempo todo. Tenho certeza que foi a minha insegurança e o medo de incomodar os outros passageiros que causaram isso.

Já falei que para mim, mãe e filho são super conectados e é a segurança e autoconfiança da mãe que faz com que a paz reine. Isso é apenas minha observação, nada científico, mas o que sinto na prática da maternidade.

atividades e brincadeiras para crianças pequenas em viagens
Livros de atividades para crianças de 2 a 4 anos

De 2 a 4 anos

Livros de atividades e histórias:

Livros de atividades com adesivos, são sucesso absoluto! Para mim, a melhor opção. Não corre risco de riscar um lugar indevido e nem de cair no vão da poltrona do avião por exemplo e ainda, é fácil de remover se tirarmos rapidamente quando colados em algum lugar onde não deveria.

Além disso, quem não adora colar adesivos? Sucesso!

Histórias também são sempre bem vindas.

Crianças amam ouvir histórias, e quando estamos contando criamos um momento mágico entre o adulto e a criança. Nessa fase escolha histórias curtas com começo, meio e fim. Pode ser em livros ( e existem tantos lindos!) Para economizar, busque em sebos. Ou histórias da “cabeça”como chamamos por aqui nossa histórias inventadas, veja em qual categoria você se sai melhor.

Aqui, o papai é o mestre das histórias “da cabeça” e eu a leitora oficial das histórias em livros.

Brincadeiras simples e sem recursos:

Desafie a criança encontrar objetos de uma determinada cor, contar quantas motos vermelhas tem na rua, ver quem acha um carro azul primeiro, andar sem pisar na linha ou só pisar na linha…

brincadeiras e atividades para crianças pequenas em viagens
Livro de atividades e passa-tempo para crianças de 4 a 6 anos

De 4 a 6 anos

Livros de atividades e histórias:

Continuamos com livros de atividades , agora o giz de cera,  o lápis não causam tanto problemas assim.  Mas os adesivos continuam sendo um sucesso!

Os livros de histórias também. Aliás, esses nos acompanharão para o resto da vida né?

Além dos livros, alguns joguinhos de desafios simples como encontrar o erro, ver o objeto que falta. É possível encontrar desses desafios em livrarias em formato compacto para cada idade e são bem legais.

Existem também uns jogos de cartas em que sorteamos umas cartas e devemos criar uma história curta com os elementos sorteados. É bem divertido e engraçados além de estimular a criatividade.

Gibis também começaram a entrar com força total e são ótimos, baratos e super fáceis de carregar.

Entramos na fase de brincar de come come, o Lorenzo chama de Pacman- é aquela brincadeira que a gente faz uma dobradura bem simples (tem tutorial no youtube) depois pinta umas bolinhas coloridas em cada parte e escreve alguma coisa como legal, bonito, não tão legal e pede para a pessoa falar um número e depois escolher uma das cores que aparecem para ver qual a palavra que é sai.

Brincadeiras simples e sem recursos:

Passamos muito tempo jogando  Jo-Ken-Pô  ou Pedra, Papel, tesoura

Adoletá também é uma das favoritas. ( Ficamos em uma fila de 60 minutos na Disney só fazendo isso, até as senhorinhas atrás da gente na fila se divertiram)

Agora começamos a brincar de par ou ímpar e fazer pequenas somas e descobrir os números pares e ímpares.

Como levar :

Eu gosto de preparar um saquinho desses de tecido, que servem como mochila.

Assim tanto Lorenzo pode carregar como eu consigo guardar dentro da nossa mochila e assim fica um volume a menos.

Guardo tudo lá e vou mostrando conforme a necessidade.

 

Para que sua viagem aconteça sem “stresses”, recomendo ler este post aqui: 8 furadas que você pode evitar na sua próxima viagem!