Carregando o Mundo!
Viagem

Puente del Inca e Parque Aconcagua: Passeio para Montanha em Mendoza

Mendoza puente del inca o que fazer

Um dos lugares incríveis de se visitar em Mendoza é o Parque Aconcágua e Puente del Inca. Nesse post eu conto como é e todas as dicas para você fazer esse passeio.

Para quem vai a Mendoza e quer saber o que fazer além de visitar vinícolas, essa é uma ótima opção.

Este percurso passa pela Rota Nacional 7 que liga Mendoza ao Chile.

Também é uma boa pedida para quem vai a Mendoza com criança. O passeio tem uma paisagem muito bonita, uma das mais linda que já vimos, com histórias e lendas que fizeram este ser o dia favorito do Lorenzo, meu filho de 7 anos.

Quer saber tudo para planejar sua viagem a Mendoza? Veja neste post o que você precisa saber antes de ir

Mendoza o que fazer tour de alta montanha
A estrada é parte importante do passeio, já que a paisagem é muito bonita durante todo o percurso.

Como é o Tour de Alta Montanha em Mendoza?

O Tour de Alta Montanha é um passeio de dia todo onde passamos pelo Embalse de Potrerillos (represa com água azul), cidade de Uspallata, Parque Aconcágua e Puente del Inca.

Assim como todos os outros passeios, fizemos o tour privativo com a agência Vendimia.

Você pode entrar em contato e combinar seu passeio com o Leonardo através do WhatsApp: +54 9 261 545-0651

Quem nos acompanhou durante a maioria dos dias foi o Horácio, recomendo fazer os passeios com ele.

A grande vantagem em ir com uma agência é poder aproveitar bem a viagem sem ter que se preocupar em dirigir, que caminhos pegar, onde parar e etc.

Vai lá nos destaques de Mendoza no Instagram ver os stories em que mostrei tudo sobre essa viagem.

O que fazer em Mendoza Puente del inca parque aconcagua embalse de potrerillos
O Embalse de Potrerrillos é uma represa formada pelo rio Mendoza que tem águas em tons de azul que impressiona!

Embalse de Potrerillos

O passeio começa saindo da capital Mendoza, seguindo em direção ao Embalse de Potrerillos.

É muito legal, porque em um certo ponto do caminho atravessamos um túnel e de repente a paisagem muda totalmente, nos deparamos com a represa à nossa frente, com uma água muito azul em meio às montanhas.

O que fazer em Mendoza Puente del inca parque aconcagua embalse de potrerillos
A vista do Embalse de Potrerillos logo que passamos pelo túnel.

A represa de Potrerillos foi construída no rio Mendoza em 1999, tem 10km de extensão e fica a aproximadamente 44 km da capital de Mendoza.

Fizemos uma parada ali, onde pudemos tirar muitas fotos. A cor da água é realmente impressionante!

Por lá, vimos algumas pessoas passeando de barco e mais para frente no rio Mendoza tem algumas empresas que fazem passeios de Rafting.

O que fazer em Mendoza Puente del inca parque aconcagua embalse de potrerillos
Embalse de Potrerrillos em Mendoza.

Eu não encontrei nenhuma empresa que fizesse rafting com crianças de 7 anos no rio Mendoza. Mas deve ser uma experiência interessante para os maiores.

Para quem quer dedicar um dia inteiro na região da represa de Potrerrillos nosso parceiro Civitatis tem passeio com caminhadas pela região e também opções de passeios de rafting no rio Mendoza.

Parque Aconcágua

Finalmente chegamos no parque Aconcágua. De lá, é possível avistar o pico Aconcágua a montanha mais alta fora da Ásia com 6961 metros de altitude.

Parque Aconcágua O que fazer em Mendoza
Nós e a vista do Pico Aconcágua todo encoberto.

Ao chegarmos na entrada do parque somos direcionados para a recepção onde nos foi apresentado duas trilhas: uma mais curta de 20 minutos de caminhada, que nos leva a um mirante para tirar foto com o pico Aconcágua ao fundo. E uma mais longa que teoricamene levaria 1 hora de caminhada.

Nós optamos pela mais curta e não demoramos mais que 10 minutos para percorrer toda a trilha. Em nosso caso, o Pico Aconcagua estava totalmente encoberto, mas tiramos foto com a placa assim mesmo.

Parque Aconcágua O que fazer em Mendoza
A entrada do Parque Aconcágua

Pensamos em então fazer o outro percurso, mas ventava muito e Lorenzo estava bem incomodado e pedindo para voltar para o carro. Então decidimos seguir viagem.

Se eu eu soubesse que seria tão rápido e fácil iria direto para aa trilha mais longa no parque Aconcágua

Dica:

Leve roupas de frio, por ali é bem mais frio do que o centro de Mendoza e leve um gorro ou algo para proteger os ouvidos porque o vento incomoda muito.

Eu vesti o Lorenzo com calça e blusa térmica por baixo do moletom e um jaqueta daquelas de pluma. Deu super certo ele não sentiu frio. Só se incomodou com o vento mesmo

Puente del Inca

Puente del Inca

A Penúltima parada é na Puente del Inca, uma formação rochosa que foi constituída através de uma erosão causada pelo Rio La Cuevas, as águas desse rio são ricas em minerais por isso tudo que fica um certo tempo em contato com essa água vai sendo coberto esses minerais e dá um aspecto de “petrificado”com uma coloração alaranjada.

A lenda do Inca

Puente del Inca O que fazer em Mendoza
A puente del Inca

Claro que tem um jeito muito legal de contar como a Puente de Inca foi parar ali e porquê tem esse nome.

Existe uma lenda que diz que há muitos anos o filho do chefe de uma tribo de Incas ficou doente e ele deveria se levado para banhar-se um das fontes de águas termais que ficam na margem oposta do rio para se curar.

O que fazer em Mendoza Puente del Inca Montanha
Nós e o Horácio o guia que nos acompanhou durante os passeios

Para o chefe Inca e seu filho atravessarem os outros membros do grupo fizeram uma ponte humana, segurando um nos outros.

Quando o chefe Inca e seu filho voltaram, os Incas que haviam formado a ponte humana estavam petrificados em forma de ponte.

O Lorenzo gostou tanto da lenda da Puente del Inca que já tive que contar para ele umas cem vezes.

A história do Hotel da Puente del Inca e a capela

Puente del Inca O que fazer em Mendoza
As ruínas do Hotel que foi destruído por uma avalanche em 1965

Ao lado da ponte foi construído um hotel que passou a funcionar em 1925. Era um hotel de luxo e recebia muitos hóspedes que vinham através do trem transandino que funcionava na época. Com o tempo o hotel foi se deteriorando até que em 1965 houve uma grande avalanche que destruiu todo o hotel e deixou apenas a capela intacta que está lá até os dias atuais.

Puente del Inca O que fazer em mendoza
A capela que ficou intacta mesmo após a avalanche de 1965

Como é a parada na Puente del Inca?

Quando paramos para ver a ponte já avistamos inúmeros locais com vendas de lembrancinhas e pessoas que oferecem para tirar uma foto “profissional” sua com a ponte. Mesmo assim, não ficam nos abordando o tempo todo, é bem tranquilo.

Nós chegamos, o guia nos conta as histórias sobre a puente del Inca. Depois ficamos um pouco observando as paisagem e podemos seguir.

Puente del Inca
As barraquinha vendendo artesanato

Veja neste post onde comer nas vinícolas de Mendoza

Almoço em Uspallata

Onde comer em Uspallata MENDOZA
Parrillada El Rancho

Fizemos uma última parada novamente em Uspallata onde almoçamos no restaurante Parrillada El Rancho.

É um restaurante muito simples que serve carnes assadas na brasa, a típica Parrillada Argentina. Nós escolhemos um prato de Ojo de Bife com ovo e batatas e de sobremesa flan com doce de leite ou abacaxi.

Como já disse anteriormente, o lugar é bem simples mas achei a comida e o atendimento bons. Não tem muitas opções por ali também.

Nós optamos por sentar do lado de fora, a vantagem é que é menos barulhento e você não fica defumado . A desvantagem é que ficam muitos cachorros a espera de um pedaço de carne.

No geral foi tranquilo, o importante é ir sem expectativas e escolher se prefere fumaça ou cachorro e tudo vai correr bem.

No geral foi um dia diferente e bem divertido.

Um comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: