Carregando o Mundo!
Viagem

Santiago com criança: passeios para fazer a pé

O que fazer Santiago Chile

Aproveitamos a semana de férias da primavera do Lorenzo, nosso filho de 6 anos, e fomos fazer uma viagem super rápida ao Chile. Nos dois dias que passamos em Santiago com criança fizemos todos os passeios a pé.

Fomos passeando livremente pela cidade procurando pontos de interesse e no final, percebemos  que em Santiago visitamos tudo a pé, nem transporte público usamos dessa vez.

Então, neste post vou dar dicas para vocês sobre esse roteiro, os passeio foram feito a partir do bairro de Lastarria.

Dicas Iniciais:

1- A Localização é  super importante

onde ficar:

Ficamos hospedados em um apartamento bem simples no bairro de Lastarria, o apartamento que ficamos dessa vez era bem pequeno e bem simples. 

Acabou sendo uma opção bem econômica também. Quanto a localização, foi excelente e otimizou muito nossos passeios.

2 –  Tenha a sua internet funcionando

É importantíssimo estar com a internet funcionando porque o google maps ajuda muito na hora de traçar as rotas.

Dessa vez, eu comprei um chip da claro lá em Santiago, que detestei. Na loja onde comprei na rua Merced, só vendem o chip sem atrelar um plano. Então eu tinha que ir ao supermercado carregar com dinheiro para receber o pacote de dados e no dia seguinte já tinha gastado tudo, podia usar só as redes sociais que funcionava livremente. Então procure outras operadoras por lá como Movistar ou Wom. Outra opção é  ver com sua operadora de celular do brasil se vale a pena contratar um plano de roaming internacional.

O Roteiro:

Dia 1

Passeio pelo bairro de Lastarria 

No caminho do super mercado já aproveitamos para dar uma olhada geral no bairro que é super “cool”, para quem gosta de Vinil como meu marido, tem várias lojinhas de discos espalhadas e muitos restaurantes, bares e cafés

O que fazer Santiago Lastarria
Entrada do Mavi na praça Mulato Gil de Castro

Visita ao Mavi

Endereço: José Victorino,  307 – Bairro Lastarria – Praça Mulato Gil de Castro.

O Museu de Artes Visuais fica na praça Mulato Gil de Castro, é pequeno e vale para um passeio durante a tarde.

Nos dias em que estávamos em Santiago em outubro de 2018 acontecia a exposição dos finalistas do Premio MAVI jovem que busca encontrar e dar espaço para jovens talentos das artes mostrarem seu trabalho em um museu importante e de grande visibilidade.

Santiago Chile O que fazer
Recursos audiovisuais no MAVI

No MAVI tem também uma sala dedicada o Museu Arqueológico de Santiago. Nesta sala está a exposição permanente: Wenu-Pelon / Portal de Luz

Essa exposição busca mostrar a tradição Mapuche, ou seja, a tradição povos indígenas da região centro-sul do Chile,  como uma cultura viva.

Para esta exposição acontece uma visita guiada todos os domingos às 12h.

Infelizmente, a sala do museu de arqueologia  estava fechada para manutenção no dia que fomos.

Cerro Santa Lucia

Endereço: no quarteirão  entre a Avenida Libertador Bernardo O’Higgins, Santa Lucia, Victoria Subercaseaux  e Merced.

O que  fazer em Santiago Cerro Santa Lucia
Cerro Santa Lucia

O Cerro Santa Lucia, é um morro com uma área verde importante na cidade. Lá encontramos muitos casais jovens e muitos turistas, mas nada de muvuca. O Lugar é bem tranquilo.

Você vai subindo e caminhando pelo espaço. Por ali está o Castillo Hildalgo, uma construção do final do século XIX.

Hoje em dia  o Castillo fica fechado e é usado para eventos fechados.  Mesmo assim podemos observar e fotografar a sua fachada muito bonita.

Seguindo a caminhada é possível ir subindo até o topo do morro onde podemos ter uma vista da cidade e dos Andes.

A Experiência com uma criança

Lorenzo aproveitou para brincar e correr por ali. Propôs uma brincadeira “de espelho” que um tem que imitar o gesto do outro e foi tranquilo. Na subida até o topo do morro onde tem um escada estreitinha ficou com um friozinho na barriga mas curtiu!

Dia 2

Cerro San Cristóbal – PARQUEMET

Endereço:  Pío Nono 450, Recoleta, Metro Baquedano

Santiago Chile o quer fazer  Cerro San Cristobal
A imagem da Imaculada Conceição de 14 metros de altura no topo do Cerro San Cristóbal

Para ir ao Cerro San Cristóbal, o google maps nos  mostrava um caminho de 7km, mas que olhando pelo mapa simplesmente não fazia o menor sentido. Resolvemos arriscar e traçamos uma rota alternativa. Deu certo, andamos cerca de 1km. 

O truque é: coloque no mapa Parque Metropolitano com entrada pela portaria Pio Nono. Lá fica o acesso ao funicular.

O que fazer  Santiago Chile
o Funicular para subir até o topo do Cerro San Cristóbal é sucesso entre as crianças

No topo do Cerro San Cristóbal fica o Santuário da Santa Concepción com uma imagem de 14 metros de altura da santa. Para subir até lá, são aproximadamente 5 km de caminhada, ou pode-se pegar o Funicular, uma espécie de bondinho, que te leva até o topo.   Existe também uma trilha que pode ser percorrida de bicicleta que chega até o topo. No dia que fomos estava repleto de ciclistas por lá.

Chile Santiago o que fazer
Capela do Santuário da Imaculada Conceição no Cerro San Cristóbal

No meio do Caminho, fica o Zoo Nacional do Chile, é um zoológico pequeno e eu não curto muito esse tipo de passeio, já tinha até conversado sobre zoológicos com o Lorenzo.  Mesmo assim, ele estava super curioso para conhecer um zoo porque  nunca tinha ido em um e curtiu bastante.

o que fazer santiago com criança
Zoológico de Santiago

O Cerro faz parte do parque metropolitano de Santiago e além do funicular existe também um teleférico que atravessa o parque.

O parque, tem uma agenda cheia de atrações.  Vale a pena olhar o site e ver a programação antes de ir.

Parque Florestal

O que fazer Chile Santiago
Artistas Circenses se apresentam durante a tarde no Parque Florestal

O Parque florestal surgiu quando o rio Mapucho foi canalizado, dando espaço a uma enorme área “vazia” que foi destinada a ser uma área verde. O parque foi desenhado pelo arquiteto e paisagista Jorge Enrique Dobois que estudou jardinagem na Escola de Versailles na França. Sua inauguração aconteceu no final do século XIX.

Chile Santiago O que fazer Parque Florestal
Um dos Playgrounds no Parque Florestal

O Parque Florestal margeia a avenida Santa Maria, ponto de encontro de famílias, pessoas praticando atividades físicas e artistas de rua. Um lugar muito agradável e excelente para ir com crianças.  Cheio de parquinhos adequados para diversas faixas etárias. Passávamos lá todos os dias no fim da tarde para Lorenzo brincar e extravasar.

Museu de Belas Artes

Endereço: José Miguel de La Barra 650  – Horário de funcionamento: 10h às 18h45 – Entrada gratuita

Santiago Chile O que fazer Museu de Belas Artes
A entrada do Museu de Belas Artes vista a partir do Parque Florestal

O Museu de Belas Artes fica ao lado Parque Florestal.

O Palácio que abriga o museu, foi desenhado pelo arquiteto Franco-Chileno Émile Jéquier. O Palácio apresenta referências do estilo Neo Clássico e alguns elementos de Art Nouveu.

Santiago O que fazer Chile
O teto de vidro no hall central do museu de Belas Artes

 Atualmente, a exposição permanente está fechada para renovação com abertura prevista para primeira semana de novembro.

As exposições temporárias continuam funcionando. Vale a pena conferir! 

A Experiência com uma criança:

No hall central, onde estão expostas diversas réplicas de estátuas em mármore, Lorenzo curtiu. Ficou tentando ler o nome do artistas, achou ums estatua parecida com ele…  já nas exposições dentro das salas. Eu achei que as reflexões ainda não eram adequadas para uma criança de 6 anos.  Então, simplesmente chamei a atenção para fora da sala e pronto seguimos o passeio.

Dia 3

Troca da Guarda – Palacio de La Moneda

santiago o que fazer chile
troca da guarda em Santiago

A troca da guarda no Palacio de La Moneda é um dos atrativos turísticos mais famosos de Santiago.

Vale a pena se programar para assistir. A troca acontece em dias alternados, dependendo do mês acontece nos dias pares ou ímpares. 

No blog Nós No Chile você encontra a informação atualizada com as datas corretas para cada mês, além de todo tipo de informaçao atualizada com ótimas dicas sobre o Chile. 

É possível fazer um tour pelo interior do Palácio de La Moneda, para isso deve-se agendar com antecedência pelo site. Eu deixei para marcar em cima da hora e já não tinha mais vagas nos dias que e eu queria.

A Experiência com uma criança:

Lorenzo curtiu bastante, ver a guarda chegar com seus cavalos e a banda tocando. É uma apresentação que chama bastante a atenção, foi bem tranquilo.

Plaza de armas

A “Plaza de armas”, fica bem pertinho do “Palácio de la Moneda” e nada mais é do que uma grande praça na região central da cidade, lá fica a Catedral de Santiago, tem uma feirinha de artesanatos e pessoas de todos os tipos.

A “Plaza de Armas” é a praça que deu início a fundação da cidade é lá que fica o marco zero  e também,  a Catedral de Santiago e outros prédios importantes como a sede do município e o o correio central.

A praça é muito movimentada, com artistas de rua se apresentando, venda de artesanatos e todo tipo de manifestação.

A catedral certamente vale a visita, construída no século XVIII tem um estilo eclético muito rico.

Como incluir a criança:

Lorenzo, já teve a fase que amava entrar em igrejas e agora ela não curte muito. Mesmo assim nos acompanhou, para despertar o interesse dele eu o levei para ver a imagem de São Miguel Arcanjo, já que ele conhece a história de coragem que este anjo representa. Foi uma visita rápida, mas possível com uma criança de 6 anos.

Centro cultural Gabriela Mistral

Enderço: Av. Libertador Bernardo O’Higgins 22

O Centro Cultural Gabriela Mistral é um espaço cheio de atividades de todos os tipos. Me lembrou um pouco o “SESC”.

Lá tem apresentações de show e teatros, exposições.

Quando fomos estava acontecendo uma aula de yoga grátis e uma feirinha.  Além disso tem uma espaço interativo para crianças explorarem as artes, Dança, Música, teatro e literatura.

Me pareceu super interessante, infelizmente estava fechado nos dias que tentamos. Apesar de no site ter um horário informado, pelo que perguntei por lá  tem que ver na hora se vai funcionar ou não.