Carregando o Mundo!
FamíliaFilhos

Ops! Deu curto na cabeça da mamãe!

Os dilemas da vida de uma mãe… diferentona ou não…

A pessoa aqui se torna mãe e aí, começam as dúvidas! Afinal, a gente sempre quer o melhor para o filho e para família.

Então começa a paranoia do rótulo, eu já era a louca do rótulo antes, agora então…

Sim!! Sou uma leitora compulsiva de rótulos. Produtos industrializados quase todos banidos aqui de casa! Aí começam outras questões: leite, faz mal ou não?! Ai! como posso viver sem queijo. Pronto! meu filho é alérgico! Acabou-se o queijo. Leite de amendoas com água de coco feito diariamente pela mãe esforçada! Olha, é só um pouco alérgico… ok mesmo assim vamos em frente sem queijo, iogurte e etc… Não, não tem alergia! Opa! e agora?! Mas já me conveci que faz um baita mal para saúde e agora?! Mas e se for orgânico? Sim aquele da vaquinha feliz, pode? Não? Talvez? Ok! De vez em quando…

E o glúten? Vixe! Glúten faz um mal danado, o ser humano não digere. Ah mas sempre comi pão! Adoro pão! Quem não ama pão? Ok acho que aquele inchaço abdominal pode ser do pão, da farinha, do bolo! Mas e agora?! Humm tudo bem pão pode, esporadicamente.

E carne?! Embutidos então! Ai ai ai… O planeta!

Bom, muda de assunto, e aí vamos pensar na educação da criança! Sim! vamos colocar na escola bílingue, sim! Aos cinco anos já será fluente em dois idiomas pelo menos. Ah! Tem que ser escola boa, aprender a ler com 4! Não! Não pode! Com 6 já sabe tudo de eletrônicos qualquer dúvida é só chamar ! Não!! Para! É extremamente prejudicial!  Tá tudo errado…. Vamos preservar a infância, até os 7 só brincar! Livre, em casa com a mamãe. Acompanhando a rotina da casa. Mas não tá rolando… Antes dos dois anos já destrói algum cômodo enquanto o jantar é preparado. Super mercado?!  Aí quer dar um mortal do carrinho de compras e atacar os pães da padaria! Puxa, logo o pão de queijo!

Vamos colocar na escola! Ah, então uma escola que parece uma casa. Que lindinhas as salinhas… Olha! Parece casinha de boneca! Pronto essa é escola é perfeita, a criança brinca, se desenvolve a mãe tem 4 horas por dia para cuidar da casa, fazer as compras, malhar, preparar as refeições, atravessar a cidade em busca do melhores preços de orgânicos. Só que… pera aí? Tá errado… o artesanato não tá bonito. Hummm não deu, acabou cedendo e a criança assistiu televisão… ai ai ai mãe. Vixe tá tudo errado…. E agora… com 4 a criança quer saber como falar inglês. Mãe! Quero falar inglês! Hummm será que a escola bilíngue teria sido melhor? Vou ensinar em casa ou coloco em um curso…

Mamãe quer ser blogueira… mas agora não dá tempo! Bora sair correndo para buscar o filho e voltar feliz andando na chuva! Afinal temos que enfrentar os desafios…

Pera aí!! Para tudo e lembre-se! A vida é MARA! 😉